Recursos Humanos

Como o teste de proficiência online otimiza o trabalho do setor de RH?

teste-de-proficiencia
Escrito por Fluenglish

Foi-se o tempo em que o inglês era algo a ser considerado especial no currículo e passou a ser um pré-requisito para diversos cargos e posições. Porém, para que o candidato selecionado tenha o nível de inglês esperado pela empresa, é preciso que os testes aplicados sejam adequados e interpretados da maneira correta, a fim de certificar a proficiência do candidato no idioma.

Confira neste artigo, como a aplicação de testes de proficiência on-line podem contribuir para a otimização dos processos do departamento de recursos humanos.

Vantagens da utilização de um teste de proficiência on-line

A realização de testes de proficiência online no processo seletivo, proporciona muitas vantagens para o setor de recursos humanos. Mas vamos citar as duas mais importantes:

Redução de gastos

Realizando o teste de proficiência em inglês online, o departamento de RH terá uma grande redução de custos. 

Toda a equipe que seria responsável pela aplicação dos testes nos candidatos poderá dedicar esse tempo para atividades específicas para a sua função.

Além disso, todo o processo de seleção será feito de forma muito mais assertiva. Isso porque, com a aplicação de um teste de qualidade e com uma análise profissional, você poderá garantir que os colaboradores contratados nesse processo seletivo, serão realmente qualificados e com proficiência em inglês certificada.

Quais os problemas que uma avaliação incorreta de fluência pode acarretar?

Não é incomum que candidatos exageram ou supervalorizam a sua fluência em inglês em seus currículos, seja por necessidade, desejo em obter a vaga ou até mesmo por se autoavaliar de forma incorreta. 

Nem sempre isso acontece por má-fé do candidato, mas por uma falta de avaliação adequada.

Essa informação incorreta pode trazer problemas para a empresa, caso essa fluência não seja devidamente testada antes da contratação. 

Imagine investir na contratação de um funcionário que possua proficiência em inglês para realizar contato com outras pessoas no idioma, e se ver com um colaborador que não consegue se comunicar adequadamente, e acabar com negociações ou vendas frustradas por conta disso?

Por que contratar uma empresa especializada?

Para evitar a contratação de um funcionário que não seja adequado e não possua o perfil adequado para as necessidades da sua empresa, uma consultoria externa pode ser uma grande aliada. Você poderá contar com toda a expertise que uma empresa especializada no ramo pode proporcionar.

Uma consultoria externa terá os melhores testes, as técnicas específicas para conduzi-los e a experiência necessária para avaliá-los. 

Conhecer o nível de inglês dos candidatos vai muito além de realizar um bate papo no idioma, é preciso verificar a capacidade de comunicação em diversas situações.

Para implementar em sua empresa um teste de proficiência em inglês, é preciso buscar uma consultoria com experiência de mercado e que possa realizar uma análise precisa da capacidade de cada candidato, de forma objetiva e com profissionalismo.

Se a sua empresa gostaria de garantir que o profissional contratado terá a fluência necessária para realizar todas as atividades inerentes ao cargo, invista em uma consultoria especializada para aplicar e analisar esses testes.

Quais são os principais testes de proficiência em inglês?

Entre os testes de proficiência em inglês mais importantes para quem busca ascensão profissional estão:

Certificate of Proficiency in English (CPE)

Desenvolvido pela Cambridge English for Speakers of Other Languages (ESOL) — inglês para falantes de outros idiomas, em tradução livre —, na Inglaterra, o CPE é um exame que além de ser usado para fins acadêmicos, também é requisitado na área profissional.

É considerado o certificado mais avançado oferecido pela Universidade de Cambridge e um dos trunfos em processos seletivos no Brasil e no exterior. Hewlett-Packard (HP), KPMG, Sony e Coca-Cola são algumas das empresas que pedem o CPE.

Atualmente, o formato da prova contém quatro tarefas distintas: leitura e uso do inglês (realizada em 90 minutos), escrita (90 minutos), compreensão auditiva (40 minutos) e conversação (16 minutos). São aprovados os candidatos que acertarem, pelo menos, 60% das questões.

Há mais de 60 unidades de escolas no Brasil (e 2700 ao redor do planeta) que estão credenciadas para aplicar o CPE. O certificado do CPE não tem prazo de validade, porém algumas instituições podem pedir um teste mais recente.

O valor da inscrição varia entre 450 e 550 reais.

First Cambridge English (FCE)

É um exame de nível intermediário superior (B2) que avalia a real capacidade do candidato em interagir de forma confiante em diferentes situações do dia a dia, tanto no ambiente universitário quanto no corporativo.

Uma das provas mais respeitadas que avalia a habilidade linguística do inglês, o FCE também é reconhecido na Grã-Bretanha e em muitos outros países, nas áreas comercial, industrial e educacional.

O FCE é oferecido em duas opções: for adults learners (para alunos adultos) e for schools (para escolas). Ambas as versões avaliam o mesmo nível de inglês e os exames também têm o mesmo formato, com quarto artigos cada.

A única diferença dessas opções é que a for schools é personalizada para crianças em idade escolar.

Test of English for International Communication (TOEIC)

O exame foi criado pela Educational Testing Service (ETS), o maior centro educacional privado do mundo, também responsável pelo teste TOEFL. Possui grande reconhecimento mundial, sendo realizado todos os anos por mais de 5 milhões de pessoas.

O TOEIC é muito importante para quem busca melhores posições profissionais. Testa a capacidade de compreensão e o conhecimento para ler e ouvir mensagens em inglês. Sempre considera situações reais do mundo corporativo, tais como ligações telefônicas, viagens e reuniões.

Atualmente, muitas multinacionais e grandes conglomerados usam o TOEIC para avaliar o progresso do inglês dos seus colaboradores estrangeiros.

O teste é composto por 200 questões que se dividem em compreensão auditiva (100 questões) e leitura (100 questões). A nota final pode variar de 10 (mais básico) a 990 (mais avançado). Os cargos mais elevados e estratégicos chegam a exigir uma nota superior a 890.

O investimento para prestar o exame gira em torno de 420 reais.

Cambridge English Business (BEC)

O BEC avalia a habilidade de utilização do inglês no ambiente corporativo e é oferecido em três níveis.

Preliminary (B1): chancela que a pessoa possui um bom inglês, porém está caminhando para níveis ainda mais importantes;

Vantage (B2): podemos dizer que é um nível intermediário. Essa certificação comprova que o profissional já tem conhecimento suficiente para trabalhar na área de negócios internacionais;

Higher (C1): esse nível é o mais avançado. Comprova que há compreensão completa do idioma e permite a participação total em negócios discutidos em inglês.

Business Language Testing Service (BULATS)

Uma opção muito procurada para avaliação profissional é o BULATS. Ele consiste em um conjunto de testes muito requisitado por empresas que realizam recrutamentos e desejam analisar o desempenho linguístico de seus colaboradores e trainees.

Ele está disponível em três módulos:

Standard (compreensão auditiva, leitura e conhecimento linguístico): a duração é de uma hora e a pontuação varia de 0 a 100;

Speaking (expressão oral): dura 15 minutos e a pontuação também varia de 0 a 100.

Writing (escrita): nesse módulo, o teste leva 45 minutos. Assim como os anteriores, a pontuação varia de 0 a 100.

Os resultados são divulgados em, aproximadamente, 10 dias úteis após a realização do teste.

Teste de Profissional da Fluenglish

A avaliação da Fluenglish é desenvolvida por professores nativos, visando medir o conhecimento do candidato em sua área de atuação. É recomendada para profissionais que precisam comprovar que são bilíngues em suas atividades ou que queiram se destacar por possuir esse diferencial.

Testa, online, todos os aspectos da língua: conversação, compreensão auditiva, leitura e interpretação e conhecimentos de gramática.

Pode ser contratada tanto pelos próprios profissionais, como por empresas que desejam testar ou comprovar os conhecimentos de seus colaboradores. Tem preço extremamente competitivo e o resultado sai em pouco tempo após a realização da prova.

Proficiência em inglês e economia de custos

Uma forma de medir a proficiência enquanto habilidade técnica é a realização de um teste de proficiência em inglês.

Esses testes são estruturados com etapas de avaliação do conhecimento gramática, escrita, audição, interpretação e conversação. Tudo isso é uma forma de garantir que a contratação possui o fit ideal para a vaga.

Essa comprovação é uma forma de garantir que o candidato que será contratado permanecerá como um ativo do seu negócio por mais tempo. Os testes de proficiência são como filtros que auxiliam na identificação da melhor opção possível para seu negócio.

Calcule as vantagens do teste com nossa calculadora

Quer saber quanto você pode economizar com um teste de proficiência? Clique aqui e faça o cálculo por você mesmo.

Interessante, não é mesmo?

Deixar comentário.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Quer saber mais sobre as novidades em RH?Inscreva-se em nossa newsletter