Dicas

Como estudar inglês sozinho e se preparar para certificações?

Estudar inglês sozinho
Escrito por Fluenglish

Com o mundo dos negócios cada vez mais internacionalizado, as empresas têm procurado profissionais que tenham boa fluência no inglês, por isso, dominar esse idioma é um diferencial para quem deseja ampliar suas possibilidades e ser mais atuante no mercado de trabalho.

No entanto, o excesso de atividades diárias e a rotina extensa torna inviável a ida a uma escola de idiomas, e aquele plano antigo de estudar inglês acaba ficando de lado.

Felizmente, essa realidade pode ser alterada! Graças aos avanços da tecnologia e presença da internet no cotidiano das pessoas, é possível estudar inglês sozinho e até mesmo se preparar para tirar certificações.

Quer saber como? Acompanhe no post de hoje 10 dicas infalíveis para você que deseja adquirir mais fluência no inglês e ainda se preparar para as certificações em exames de proficiência.

1. Adote uma metodologia para estudar inglês sozinho

Parece bobagem, mas programar previamente o conteúdo que será estudado é indispensável, ainda mais para quem não tem muito tempo e tem dificuldade em manter a disciplina.

Assim, para adquirir fluência, é preciso trabalhar as 4 habilidades do idioma: compreensão oral, fala, escrita e leitura. Mas, qual delas se deve estudar primeiro? É possível estudar todas as habilidades juntas?

Ao adotar uma metodologia de estudos, você evitará o excesso de conteúdos e também o risco de uma aprendizagem fragmentada. Existem bons canais na internet que dão ótimas dicas de como você pode planejar seu tempo de estudos.

2. Busque grupos de estudo nas redes sociais

É um desafio estudar inglês sozinho, pois a eficácia da aprendizagem de uma língua se efetiva no contato com o outro, por isso converse em inglês com outras pessoas, não tenha medo de falar com nativos.

Existem muitas comunidades de estudos nas redes sociais. Busque grupos de estudo naquela que você mais usa. Isso o manterá motivado e você verá o seu progresso no idioma.

3. Exponha-se ao idioma

Por que crianças com apenas 3 anos de idade já dominam o idioma de seus pais? A resposta é simples: porque elas estão expostas à língua deles desde que nasceram. 

Por isso, estudar inglês apenas naquela hora específica de estudos não é a maneira mais produtiva de conseguir fluência. É preciso muita exposição. 

Procure estar em contato com o inglês o máximo possível. Assista filmes e ouça músicas em inglês, leia artigos em inglês, jogue em inglês, cante em inglês, pense em inglês.

Existem também vários aplicativos para estudar inglês. Aproveite a tecnologia!

4. Assista aulas online em inglês

As vantagens de assistir aulas na rede são inúmeras. Além de você ter a possibilidade de tirar dúvidas sobre conteúdos gramaticais específicos, você pode também aprender como usar expressões idiomáticas e ampliar seu vocabulário.

Existem inúmeros canais no YouTube que oferecem aulas de inglês gratuitas, dentre eles cita-se o TeacherPhilEnglish e o BBC Leaning English.

O importante é que você procure assistir às aulas em inglês, pois isso fará com que você acostume seus ouvidos ao idioma.

5. Persista sempre

Todo processo de aprendizagem envolve muita dedicação. A rotina pesada e a sensação de que a aprendizagem não está progredindo tende a desanimar aquele que estuda inglês sozinho.

O importante nessa hora é não desistir. Nos momentos em que se sentir desanimado, procure se motivar com o depoimento de pessoas que conseguiram aprender o idioma.

6. Pesquise sobre o teste de proficiência que você deseja fazer

Existem vários exames que testam o nível de proficiência em inglês. Cada um deles atende a uma necessidade específica. 

TOEFL, por exemplo, avalia o inglês para fins acadêmicos, já o Fluenglish é voltado para o mundo dos negócios. Em vista disso, é preciso ter clara a finalidade da certificação.

Após a escolha do exame, pesquise a fundo como ele se realiza: os níveis de inglês que ele avalia, se pré-intermediário ou avançado, a pontuação mínima exigida para conseguir o certificado, o prazo de validade da certificação e como acontece o teste.

7. Doe todo tempo possível aos estudos

Não há nada mais frustrante que chegar na véspera de uma prova e constatar que o tempo de estudo investido não foi o suficiente para fazer o teste.

A fim de evitar isso, dedique-se ao máximo aos estudos. Se antes você estudava 3 vezes por semana, o ideal agora é que você estude todos os dias.

Aproveite também aquele tempo que você precisa ficar na fila do banco ou ainda ir para o trabalho.

8. Faça um preparatório do exame

Apenas saber inglês pode não ser o suficiente na hora de realizar um teste de proficiência. Na fase de preparação, é de suma importância conhecer as principais habilidades exigidas no exame, pois umas costumam ser mais avaliadas que outras.

No listening do exame IELTS, por exemplo, o candidato deve compreender bem os sotaques do idioma, já que o teste contém áudios do inglês americano, do australiano e britânico.

Assim, faça um preparatório do teste. Procure por professores ou até mesmo por plataformas online especializadas no exame que você vai prestar. Provavelmente, você se sentirá mais seguro e evitará surpresas desagradáveis. 

9. Simule o exame com provas antigas

Outra forma interessante para se preparar para as certificações é simular o exame que você vai realizar. Isso permitirá o treinamento do seu estado emocional e psicológico, além de te possibilitar uma noção maior do tempo que será gasto na prova.

Uma boa maneira de fazer isso é baixando provas antigas do teste. Existem exames de proficiência que oferecem simulados gratuitos pela internet.

10. Descanse na véspera do teste

No dia anterior ao teste não adianta mais ficar estudando. Isso pode te deixar estressado e mais ansioso. Em vista disso, procure relaxar!

Assistir filmes, ouvir músicas ou praticar alguma atividade física pode ser uma ótima maneira de você se tranquilizar. Nessa etapa, também é importante dormir e comer bem. A dica é: respeite os limites do seu corpo.

E então, o post com as 10 dicas de como você pode estudar inglês sozinho e se preparar para certificações ajudou você? Dê sua opinião deixando um comentário!

Sobre o autor

Fluenglish

Deixar comentário.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Quer saber mais sobre as novidades em RH?Inscreva-se em nossa newsletter