Dicas

O impacto da proficiência em língua inglesa no contexto da revolução 4.0

industria-4.0
Escrito por Fluenglish

A revolução 4.0, também conhecida como Quarta Revolução Industrial, foi um termo lançado pelo governo alemão ainda no início dos anos 2000 para designar o início da informalização dos processos laborais. 

Entre as mudanças esperadas para o período estão o desenvolvimento de tecnologias como o Big Data Analytics, segurança de dados e a Internet das Coisas (IoT – Internet of things, em inglês).

Essas mudanças na indústria foram cruciais para atualizar as habilidades e proficiência de novos candidatos para diversos cargos dentro de empresas, exigindo novos conhecimentos específicos para conseguir lidar com as demandas laborais, entre elas o nível de inglês passou a ocupar um lugar bastante estratégico nos recrutamentos. Saiba mais da importância desse idioma nesse novo cenário.

O que é a Revolução 4.0

A quarta revolução industrial, ou indústria 4.0, é um conceito que se refere ao uso de tecnologias para troca de dados, e automação por meio de sistemas cyber-físicos, Internet das Coisas e computação em nuvem.

A indústria 4.0 veio consolidar a visão e execução das fábricas inteligentes. Mas antes de comentar o processo, vamos fazer um breve resumo sobre as tecnologias envolvidas:

Sistemas Cyber-físicos

Os sistemas cyber-físicos, cyber-physical system (CPS), são sistemas compostos por elementos computacionais colaborativos com o objetivo de gerir entidades físicas.

Os sistemas embarcados, anteriores aos CPS, seguem uma estrutura parecida, porém seu maior foco é nos sistemas computacionais. Os CPS, por outro lado, enfatizam a relação das ligações entre os elementos computacionais e os elementos físicos.

Internet das Coisas

A Internet das Coisas (Internet of Things – IoT) é uma forma de extensão da Internet atual. Esse conceito se relaciona a objetos do dia a dia se conectarem à Internet com capacidade computacional e comunicativa por meio da coleta e transmissão de dados.

Essa comunicação, identificação e transferência de dados permite a integração dos dispositivos, e é essa interação entre eles a chamada Internet das Coisas.

O impacto da proficiência em língua inglesa no contexto da revolução 4.0

A revolução 4.0 também marcou o início da globalização dos negócios de diversas empresas. Isso significa que a partir do avanço das conexões de internet e a presença digital dessas corporações, os investimentos internacionais e parcerias profissionais se deram por meio de reuniões online e trocas rápidas no telefone.

Como consequência, o perfil profissional das empresas passou a focar em candidatos que estivessem preparados para lidar com estrangeiros durante as demandas de trabalho, além de conseguirem redigir e-mails, relatórios e planilhas em outro idioma além do português, e, pelo fato de o inglês ser uma língua global, se tornou o principal foco em um desempate no processo seletivo.

Dessa maneira, formar uma equipe de profissionais bilingues também ajuda na internacionalização de empresas estrangeiras em solo brasileiro, fazendo esta conseguir conquistar um bom público-alvo por conhecer suas necessidades ao se relacionar com a marca.

A proficiência em inglês para a integração do Brasil no avanço mundial

Da primeira revolução industrial até o momento deixamos de ter fronteiras no Mundo, quando o idioma inglês é uma segunda língua falante para os não nativos, pois estudos científicos, pesquisas, programação, máquinas robóticas ou não, passaram a ser globalizados, sendo imprescindível o idioma para compreensão. 

Deverá haver um estudo do Governo para crescimento do País e fortalecer os mais jovens no ensino do Inglês, para que o Brasil não fique fora desta nova Revolução Industrial 4.0 e possamos ficar introduzido mundialmente em igualdade aos Países Nativos da Língua Inglesa. 

O avanço já está acontecendo

Estamos avançando, até mesmo nas admissões das vagas de emprego hoje é solicitado no mínimo o nível intermediário para atender a internacionalização das empresas que fixam no Brasil, tendo estrangeiros trazidos para compor o corpo de colaboradores ou até mesmo de chefia, sendo assim a importância da compreensão através da incorporação na grade curricular do indivíduo, o idioma inglês.

O papel do RH durante o recrutamento dos candidatos

O setor de Recursos Humanos também foi um dos mais impactados pelas mudanças trazidas pela revolução 4.0. 

Por se tratar da área interna que lida com os funcionários desde o momento da entrevista até os futuros trâmites de demissão, automatizar os recursos fez com que os gestores pudessem passar a usar o People Analytics como uma ferramenta para analisar melhor o perfil de cada candidato para a empresa.

Além de se tornar um processo mais assertivo, testes de proficiência também passaram a ser aplicados pela equipe de RH, ficando inteiramente responsável pela aprovação ou não dos candidatos para a vaga.

O problema é que essa função, muitas vezes pode atrasar os processos de trabalho desses gestores, podendo ainda não ser tão bem qualificados para analisar as provas.

Dessa maneira, a empresa pode adquirir uma plataforma online dedicada para essa avaliação enquanto os gestores conseguem se dedicar melhor em outras áreas durante um processo de admissão. 

A contratação desse serviço acaba, consequentemente, diminuindo os gastos com trabalho extra da equipe, além de garantir a contratação de profissionais com um grande nível de fluência na língua estrangeira, evitando o revezamento de funcionários.

Quer saber mais?

Saiba mais como você pode garantir esse sistema para a sua empresa e quais são os benefícios em realizar esse processo junto a um especialista em inglês.

Deixar comentário.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Quer saber mais sobre as novidades em RH?Inscreva-se em nossa newsletter