Carreira

Recolocação profissional: você sabe por onde começar?

Recolocação Profissional
Escrito por Fluenglish

Muitos profissionais, após ingressarem no mercado de trabalho, sentem que estão estagnados ou desenvolvendo suas carreiras menos do que gostariam. Nessas horas, o desejo latente por uma recolocação profissional se torna uma necessidade.

Se você tem se sentido assim, saiba que existe solução para seu caso e esse artigo pode te ajudar a encontrar a saída para esse dilema.

Porém, para chegar lá, é necessário se cercar de alguns cuidados e tomar certas providências que evitarão perda de tempo e desgastes pessoais desnecessários.

A atual situação de crise econômica e política já é o suficientemente estressante e você não vai querer carregar mais um problema em meio a tantos desafios. Por isso, saiba adotar as atitudes certas para mudar esse quadro a seu favor.

Confira as dicas a seguir e alcance a tão almejada recolocação profissional.

1. Simplesmente reflita

Se você não parar um pouco e utilizar seu tempo para planejar seus próximos passos, a tendência será continuar no marasmo e na inércia.

Procure reconhecer seu perfil profissional, as áreas onde mais pode contribuir e os pontos que ainda precisa desenvolver e que não estão à altura do que precisa realizar.

Crie um cronograma para você, com metas e prazos que sejam realistas com o momento atual e procure, pouco a pouco, ir vencendo os obstáculos. Só você sabe o que é melhor para si e momentos de dúvida podem ser um bom gatilho para a mudança que tanto precisa. Não tenha medo de inovar!

2. Ative seu networking

Se tornou lugar comum falar em networking como aquela rede de contatos que você já conhece ou que foi próxima em algum momento da sua vida pessoal ou profissional.

Porém, o que quase ninguém conta é que você não pode se dar o conforto de ficar apenas no velho círculo de amizades e contatos profissionais de sempre se realmente quiser crescer.

Frequente feiras, eventos e palestras da sua área para conhecer novas pessoas e ficar por dentro dos principais assuntos e tendências que estão acontecendo no seu campo de atuação. Assim você melhora sua rede de contatos e se inteira sobre como está o mercado de trabalho atualmente.

3. Atualize e aprimore seu currículo

O currículo é uma das suas principais peças de marketing pessoal e existem algumas dicas simples que fazem toda a diferença. Confira:

  1. não entregue currículos com um formato que não seja objetivo e atrativo;
  2. não seja desleixado com o português. Revise sempre;
  3. informações atuais e pertinentes com a sua busca por recolocação profissional são primordiais;
  4. valorize experiências que possam ser um diferencial, como línguas, cursos, intercâmbios, etc.

4. Domine uma segunda língua

No mundo globalizado de hoje é impossível fugir dessa recomendação, e para sermos sinceros, diríamos até que dominar uma segunda língua é apenas um requisito básico nesta realidade. 

Mas não se assuste, sempre é tempo de estudar e há inúmeras formas de aprimorar o seu inglês. Existem testes corporativos e outros como TOEFL e IELTS, essenciais para quem vai estudar fora, por exemplo, que podem certificar seu nível de inglês e abrir portas para você no mercado de trabalho ou acadêmico.

O importante é arregaçar as mangas e não deixar eventuais dificuldades serem maiores que você. Siga em frente!

5. Tenha autocontrole

Estar desempregado ou em uma situação profissional desvantajosa, certamente nos desgasta e se não tivermos cuidado pode nos levar a um ataque de nervos. 

Trabalhe sua autoestima, entenda que o momento atual de dificuldades é vivenciado por inúmeras pessoas e que você não é o único a enfrentar esses desafios. Olhe para o passado com orgulho e gratidão e use das boas experiências como um lembrete da sua capacidade.

Experimente a prática da meditação. Hoje é fácil encontrar fontes confiáveis sobre o assunto na internet, com vídeoaulas gratuitas de monges e demais especialistas ensinando técnicas simples que podem facilmente ser usadas no seu dia a dia. 

Uma boa saúde financeira começa por uma boa saúde mental. Pense nisso!

6. Cadastre seu currículo na internet

Apesar de nem todos os sites de recrutamento serem gratuitos, em boa parte deles você terá a chance de se cadastrar e concorrer a excelentes vagas por um certo período. 

O fato é que você deve aproveitar de todos os recursos que pode dispor e essas páginas tem um grande acervo de contatos com as mais variadas empresas. É uma excelente chance de pesquisar melhor como mercado anda e o que as organizações de sua área têm desenvolvido.

Sites como o Linkedin também são uma excelente pedida para isso, sobretudo por ser gratuito e possuir um caráter extremamente profissional, sendo usado por pessoas do mundo todo. 

7. Prepare-se para a entrevista

Após ter seguido todas as dicas anteriores, você provavelmente estará mais perto de ser chamado para uma entrevista. Quando isso acontecer, não deixe de tomar as seguintes atitudes:

  • pesquise sobre os valores da empresa e as atividades que exerce;
  • faça uma retrospectiva de sua trajetória profissional e esteja com os melhores argumentos para o momento da entrevista;
  • pense bem em qual seria sua pretensão salarial caso seja indagado. Ensaie sua resposta para que ela seja emitida da maneira mais segura possível;
  • evite opiniões pessoais sobre assuntos alheios à entrevista, a não ser que isso seja explicitamente demandado;
  • cuide bem da aparência e vá de acordo com o ambiente da empresa.

8. Estude e alcance sua recolocação profissional

Além de dominar uma segunda língua, algo primordial no mundo profissional atual, existe ainda o diferencial dos cursos de pós-graduação na formação de quem busca recolocação profissional.

Cursar uma especialização, MBA, mestrado ou doutorado, pode fazer toda a diferença na hora de conseguir um emprego mais qualificado e com melhor salário. Isso sem contar a possibilidade de trabalhar como professor universitário e seguir carreira acadêmica, caso seja esse o seu objetivo.

Se você gostou das nossas dicas e quer estar cada dia mais preparado para o mercado, não deixe de assinar nossa newsletter. Temos sempre muitas informações relacionadas ao tema e que podem ser de grande utilidade para sua recolocação profissional.

Deixar comentário.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Quer saber mais sobre as novidades em RH?Inscreva-se em nossa newsletter