Dicas

Aprenda como a gamificação ajuda no sucesso do seu evento

gamificaçao
Escrito por Fluenglish

Garantir o sucesso do seu evento é o objetivo de todo produtor e quem deseja estar na ponta deste mercado tão competitivo precisa acompanhar todas as tendências. A aplicação da gamificação na educação, saúde e até mesmo nos negócios, tem mostrado resultados interessantes. Então, porque não aplicá-la?

O que é gamificação?

Segundo o assistente sênior da CAIXA, Nilton de Melo, “gamificação é uma ferramenta que trás mecanismo de design de jogos para engajar pessoas a atingir seus objetivos.”

Este conceito não é novo. Basicamente todos os jogos, desde videogames à jogos de tabuleiro, e mesmo os esportes, aplicam seus princípios na prática, que são:

  • Regras: todo jogo tem regras, mesmo que não se trate de competição;
  • Objetivos: os objetivos são o que estimulam o jogador, uma meta a alcançar;
  • Feedback: durante uma partida são dados feedbacks constantes, seja do sistema, do oponente ou de um juíz;
  • Participação voluntária: o indivíduo entra e sai do jogo no momento em que bem entender.

O objetivo da gamificação é transpor a temática de engajamento e comprometimento dos games à diversos contextos práticos. E para isso é necessário que o jogador desenvolva seu flow. Assim, quanto melhor o jogo, mais tempo ele participa.

Veja um exemplo clássico do engajamento da gamificação em eventos:

“Temos o exemplo da final da NBA, que este ano bateu recordes de audiência, com 31 milhões de espectadores a assistir através dos vários meios. Algo perfeitamente natural dada a dimensão mediática deste desporto.

Comparativamente, a final de 2015 do League of Legends, (um videojogo online), teve 36 milhões de pessoas a assistir online e mais de 50 mil numa arena em Berlim”, aponta Rui Cordeiro fundador e CEO da portuguesa Fractal Mind.

A Gamificação em eventos ajuda no engajamento dos participantes

Manter os participantes estimulados por muito tempo e aumentar a sua experiência é o principal medidor de sucesso do seu evento com a gamificação. Da mesma forma como as pessoas são estimuladas por meio dos jogos, deixando-as em estado de imersão total, esta técnica pode concentrar a atenção de sua audiência.

Ainda de acordo com Melo, oflow é um estado mental de engajamento, foco total em que as pessoas estão fazendo algo que faça sentido e é desafiante, mas não é muito difícil.” E é por meio desse estado de imersão total, ou flow, que se garante o sucesso do seu evento.

Sabemos que mesmo com toda estrutura, organização e serviços, ainda pode faltar um detalhe principal que prenda o interesse dos participantes. Nesse sentido, a socialização pode ficar prejudicada e com essa estratégia você poderá proporcionar uma experiência melhor.

A gamificação pode ser usada no ambiente interno e externo

Seja num acontecimento interno ou externo, você pode usar as técnicas da gamificação. Como? Veja esses exemplos:

Eventos internos

Empresas que desejam engajar seus funcionários e disseminar sua cultura, valores e alinhamentos organizacionais, além de promover a gestão do conhecimento, podem utilizar a gamificação para deixar o ambiente mais leve.

Encontros de liderança e congressos de funcionários podem ter uma pegada mais lúdica e criativa por meio de quiz, feedbacks e perguntas e respostas em tempo real e dinâmicas premiadas de networking.

Veja o exemplo do Foursquare, em que os usuários tinham metas premiadas e podiam acompanhar a sua colocação em um ranking. Nele os participantes têm suas ações premiadas por meio de competição saudável.

Eventos externos

De acordo com o Sebrae “A aplicação periódica e planejada de uma Pesquisa de Clima Organizacional se faz importante e necessária para que o gestor conheça os pontos fortes da empresa e aqueles que precisam ser melhorados.

A partir dos resultados dessa pesquisa, decisões mais assertivas poderão ser tomadas no sentido de reorganizar os seus métodos e traçar novas diretrizes.”

Aproveite a gamificação para tornar a experiência da Pesquisa de Clima Organizacional mais agradável e descontraída e tenha resultados melhores e mais naturais.

Se aplicada de forma correta nos eventos, essa estratégia deixará os funcionários mais engajados e satisfeitos.

Quais as melhores estratégias de gamificação para um evento?

Rui Cordeiro pondera: “É conhecido que grande parte do envolvimento dos participantes acontece apenas durante o próprio evento. Pouco acontece no build‑up até ao início e praticamente nada acontece no pós.

Há aqui uma janela de oportunidade que poderia ser aproveitada e não o está a ser”, acredita Rui Cordeiro.

Assim, a janela de oportunidade aqui para o sucesso poderia ser:

  • Uma competição entre os participantes, como caças ao tesouro com o apoio de exibidores e patrocinadores;
  • Um guia interativo para ajudá-los a encontrar os stands;
  • Uma programação detalhada e personalizada de acordo com cada perfil;
  • E ainda bonificação (como descontos em feiras e cursos) para pessoas que mais fizeram amizades e compartilharam conteúdo com as hashtags do evento.

Não se esqueça de divulgar os resultados das competições para mais participantes socializem. As possibilidades para engajar os participantes são incontáveis.

Planeje seus eventos utilizando a gamificação com uma estratégia dinâmica e divertida para possível obter o engajamento dos participantes.

Ofereça esse serviço também à empresas que desejam realizar eventos corporativos e alcance um diferencial competitivo no mercado e o sucesso do seu evento.

Quer saber mais?

Vai realizar uma festa ou recepção de grande porte ou para um público muito variado? Entenda aqui 5 motivos para contratar pessoas fluentes em inglês e evite problemas desnecessários.

Sobre o autor

Fluenglish

Deixar comentário.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Quer saber mais sobre as novidades em RH?Inscreva-se em nossa newsletter